Cálculo da massa
corporal

Dietas

Gerir os
alimentos

Roda dos
alimentos


Os regimes devem atender às diferentes necessidades de cada indivíduo. Para que possa encontrar o seu peso ideal sem prejudicar a sua saúde, apresentamos-lhe alguns tipos de regimes alimentares.

A alteração de hábitos alimentares deve ser feita progressivamente, visto que as dietas relâmpago resultam numa perda de peso muito rápida, mas acarretam uma grande probabilidade de recuperação, excedendo-se muitas vezes o peso anterior.

Antes de iniciar um regime, deve calcular o seu Índice de Massa Corporal e adoptar uma vida activa, praticando regularmente exercício físico.

Regime de Controle de Peso

Para emagrecer de forma progressiva e manter o peso ideal ao longo da vida, deve alterar o seu estilo de vida. Lembre-se que mesmo depois de perder peso deve manter os hábitos que adoptou durante o seu regime.

Eis alguns conselhos:

  • Beba no mínimo 1,5 litros de água por dia, principalmente fora das refeições;
  • Tome sempre um pequeno-almoço completo;
  • Faça um mínimo de 5 refeições por dia, não esquecendo de fazer uma pequena refeição a meio da manhã e outra a meio da tarde;
  • Não coma entre as refeições;
  • Substitua o leite gordo por leite magro, o iogurte normal por iogurte magro sem açúcar e o pão branco por pão de mistura, centeio ou integral (completo);
  • Não ingira alimentos fritos, molhos, folhados, doces ou refrigerantes;
  • Prepare refeições cozidas, assadas ou grelhadas;
  • Privilegie o consumo regular de vegetais, legumes, carnes magras, peixe ou frango;
  • Siga um horário regular nas suas refeições;
  • Caminhe uma hora todos os dias;
  • Reduza a ingestão de alimentos ricos em gordura e hipercalóricos;
  • Aumente os níveis de dispêndio energético aumentando ou mantendo um exercício físico regular;
  • Estabeleça um programa de tratamento e apoio que promova a reeducação do seu estilo de vida.

A Roda dos Alimentos

Este é um tipo de regime que se define pelo controlo da quantidade de calorias ingeridas em cada alimento.

Composta por verduras e frutas, este regime privilegia o consumo de alimentos ricos em vitaminas, minerais, fibras e água em detrimento das calorias e gorduras, que existem em abundância noutro tipo de alimentos.

O regime hipocalórico permite que o peso seja reduzido aproximando-se, assim, ao peso “ideal” de cada pessoa e que se calcula tendo em conta factores como a altura, a idade e o sexo.

Deve evitar ingerir:

  • Açúcar, mel, doces de um modo geral, refrigerantes e bebidas alcoólicas,
  • Arroz, batatas, farinhas, pães, torradas, bolachas, milho, aveia, grão-de-bico, ervilhas, lentilhas
  • Refeições fritas ou folhados

Prefira:

  • Adoçantes, refrigerantes e doces dietéticos, sem exagerar na quantidade e frequência deste tipo de consumo
  • Verduras, legumes, carnes magras, peixe ou frango
  • Refeições cozidas, assadas ou grelhadas

Siga este regime até que obtenha o peso desejado, altura em que deverá ter um consumo intermédio de calorias entre a dieta hipocalórica e a alimentação que tinha anteriormente. A perda de peso deverá ser lenta, respeitando o seu ritmo e mantendo, simultaneamente, uma alimentação saudável. Para além de controlar a sua alimentação, é igualmente importante ter algum tipo de actividade física.

Procure o seu médico, ele saberá recomendar o exercício adequado para a perda de mais calorias.

Regime Rico em Fibras

Como o próprio nome indica, este regime privilegia o consumo de alimentos ricos em fibra. O regime rico em fibras consiste numa rápida satisfação do organismo sem que se ganhe peso.

Ajuda a estabilizar os níveis de açúcar, a diminuir o risco de cancro e a controlar o apetite.

O consumo de fibras é indispensável em qualquer regime, visto que estas ajudam a manter o bom funcionamento do intestino e consequentemente do organismo em geral.

Estudos revelam que uma pessoa que siga uma alimentação rica em fibras tende a evacuar em apenas um terço do tempo das pessoas com uma dieta pobre em fibras.

Do mesmo modo, a abundância de fibras no organismo contribui para tratar a diabetes e o colesterol elevado.

Quando comparada com outras, este regime é muito menos restritivo caracterizando-se por um maior equilíbrio entre os principais grupos de alimentos.

Para aumentar o consumo das fibras, deverá privilegiar o consumo de alimentos integrais como pão, grão e cereais bem como frutas frescas e vegetais, os quais contêm igualmente uma grande quantidade de fibras sendo, ao mesmo tempo, uma fonte de vitaminas e minerais.

Este regime é igualmente aconselhada a pessoas que sofram de problemas digestivos e mesmo a pessoas saudáveis, pois ajuda a prevenir problemas futuros.

No fundo, um regime rico em fibras deve ter como objectivo principal melhorar a saúde e não somente a perda de peso.
Enquanto seguir este regime deverá ingerir muita água e comer em intervalos regulares.